leitura-para-aprender-ingles

Como Aprender Inglês Lendo Materiais Divertidos e Emocionantes

Seu objetivo em 2018 é alcançar a fluência em inglês? 

Imagine que você possa realizar esse objetivo enquanto lê com calma, de pijama, ao lado de uma xícara quente do seu café ou chá favorito.

Parece incrível, não é?

Ler em inglês não é tão difícil quanto você pensa. Pode ser divertido, inspirador e abrir a mente.

Para ter uma ótima experiência de leitura, você só precisa escolher os tipos certos de materiais para ler.

Os seis excelentes recursos de leitura deste artigo ajudarão você a aprender inglês através da leitura de forma eficaz.

Os benefícios de aprender inglês lendo

Ver vocabulário em inglês usado em contexto

A melhor maneira de adquirir novas palavras é aprendê-las em contexto. Isso significa que a palavra é usada em frases completas e cercada por outras idéias relacionadas. Você aprende exatamente como essa palavra é usada naturalmente pelos nativos quando a vê em contexto.

Quando seu cérebro consegue associar uma palavra a algo tangível, você se lembra mais dela.

Então, o contexto é algo muito valioso! E quando você lê, você obtém muitos e muitos contextos.

Por exemplo, em “The Call of the Wild“, o cachorro Buck nasceu em um relacionamento próximo com seres humanos. Como sua vida toma um rumo inesperado, ele acaba em várias aventuras no deserto com animais selvagens e é chamado de volta à vida primordial que seus ancestrais mantinham. A transição foi emocional, enquanto ele lutava para deixar de lado sua afeição por seu último dono humano.

Vou continuar lembrando a palavra “primordial” em associação com Buck e sua história de se tornar parte do deserto.

Familiarize-se com o que parece certo

Para melhorar seu inglês, você precisa saber mais do que o significado de uma palavra. Você também precisa saber como usá-la em uma frase completa. Quais verbos, adjetivos e preposições são comumente usados com a palavra que você aprendeu? Basicamente, você deve saber o que vem antes e depois de uma palavra.

Pegue o substantivo “impact“, por exemplo. Os verbos que frequentemente acompanham são “have“, “make“, “soften“, “lessen” e “minimize“. “The oil and gas exploitation has an impact ‘on’ climate change” ao invés de “to” ou “at” climate change. Ler palavras em contexto mostrará como usar palavras como esta. Isso permite que você tenha uma visão ampla, além da definição da palavra.

O assunto mais desafiador para muitos alunos de idiomas é parecer natural, como um falante nativo. Um bom livro de gramática pode ensinar como configurar um verbo e estruturar uma frase corretamente. No entanto, somente depois de ler muitos textos bons e fluentes, você pode ter a noção do que soa nativo .

A leitura de inglês a partir de recursos de alta qualidade é a maneira de se expor propositadamente ao que parece certo em um determinado momento. Idioma é algo fluido, muda de uma geração para outra. Você pode ler toda a coleção de peças de Shakespeare e não encontrará a palavra “emoji“, que foi a palavra do ano em 2015.

Graças à leitura, você aprende a diferença e como usar palavras apropriadamente, like a boss.

Obtenha insights e perspectivas culturais

A escrita tem sido usada por pensadores para expressar crenças e valores culturais por séculos. “Pride and Prejudice” de Jane Austen não é apenas uma história de amor, mas um manifesto de valores sociais na Inglaterra durante a Era Georgiana.

Quando você se torna consciente das sutilezas culturais, ler em inglês fica mais interessante. Se você se mudar para um país de língua inglesa, será mais fácil se encaixar, se estiver munido de conhecimento sobre aquela cultura.

Divirta-se e mantenha-se motivado!

Ler é divertido! Ao mergulhar numa boa história, você pode viver outra vida, ver as coisas aos olhos de outra pessoa e tomar uma decisão de uma maneira diferente, talvez de uma maneira totalmente oposta ao que você faria.

Quando você consegue ler mais rápido e compreender melhor os significados, sua gama de conhecimento cresce e se torna mais profunda. Você se torna capaz de aprender mais sobre o mundo, outras pessoas e outras culturas, o que pode ser a maior motivação para continuar aprendendo.

Evite ler inglês ruim na web

Pode ser que você já passe muito tempo na internet, lendo posts em mídias sociais como Facebook e Twitter. Embora muitos sites nativos possam ajudá-lo a aprender a ler em inglês, sites de má qualidade estão em toda a internet. Mesmo grandes sites como o Facebook e Twitter têm pessoas postando com gramática ruim e palavras incorretas.

Você deve aprender a evitar essas distrações constantes, que têm um impacto ruim em sua capacidade de reter foco e aprender assuntos mais complexos. Leia os adoráveis tipos de escrita em inglês que trouxemos para você neste artigo, e você será capaz de evitar esse problema. Nossos recursos de leitura sugeridos incluem textos mais longos, com ótima redação e gramática e ortografia perfeitas.

Agora, chegou a hora da lista de material de leitura em inglês tão prometida;

Aprenda habilidades de leitura em inglês com 6 tipos emocionantes de redação em inglês

1. Livros clássicos

Um livro torna-se “clássico” porque permanece à prova do tempo , o que significa que se mantém popular depois de muitos, muitos anos.

Seres humanos nascidos em diferentes gerações tendem a ter desejos, emoções e expectativas de relacionamento semelhantes. Em 2016, ainda podemos ler livros clássicos de 1600 ou 1800 e se relacionar com as idéias, emoções e eventos que o autor descreve.

Muitos dos jovens leitores de hoje acham “Treasure Island”, de Robert Louis Stevenson muito emocionante, pois têm o desejo de explorar e sentir um senso de aventura, da mesma forma que as gerações anteriores também tinham.

Além disso, livros clássicos são amados por muitas gerações graças ao domínio do uso do idioma e da narrativa. Quando li “The Three Musketeers,” pela primeira vez, me senti como parte do trio, apesar de ter nascido algumas centenas de anos depois em um país a alguns milhares de quilômetros de distância. Na época, eu não sabia nada sobre a França e a história francesa, mas a narrativa ainda me atraiu. Alexandre Dumas era um contador de histórias hábil, como Jane Austen, Hemingway e muitos outros especialistas da palavra que deixaram inúmeros livros em seus legados para valorizarmos.

Livros clássicos estão razoavelmente disponíveis para todos, já que a maioria das bibliotecas públicas nos Estados Unidos e no exterior tem uma enorme seção deles. Além disso, a maioria está disponível gratuitamente para ler online, em sites legais como Project Gutenberg.

Cresci no final dos anos 80 no Vietnã, quando as livrarias não vendiam livros Ocidentais. Na escola, a literatura chinesa e russa era predominante. Em meados dos anos 90, após uma mudança em nossa política externa, começamos a importar mais coisas feitas no Ocidente e o que veio primeiro a ser impresso foram livros clássicos como “Uncle Tom’s Cabin” e “Wuthering Heights”, seguidos por “Harry Potter”

Aqui está a lista dos meus livros clássicos favoritos, que estão disponíveis gratuitamente no Kindle:

“Wuthering Heights” – Emily Brontë

“The Adventure of Tom Sawyer” – Mark Twain

“The Call of the Wild” – Jack London

“Emma” – Jane Austen

“The Picture of Dorian Gray” – Oscar Wilde

2. Leituras longas

O termo “leitura longa” refere-se ao jornalismo de longa forma, quando os jornalistas se aprofundam em suas investigações e escrevem longos artigos sobre eles. Assim, uma “leitura longa” é geralmente um longo artigo que oferece uma perspectiva mais ampla e complexa sobre questões contemporâneas, levando menos tempo para se ler (se você compará-lo à maioria dos romances clássicos).

Leituras longas são boas para pessoas que querem permanecer relevantes e aprender sobre questões modernas, mas que estão fartas do fluxo constante de atualização de títulos que oferecem pouquíssimas informações. A qualidade da escrita é alta, para que você possa se beneficiar da melhor redação e das melhores informações.

Você pode encontrar leituras longas em sites como Longreads ou Digg’s Long Reads Channel. Reddit também tem o Longreads subreddit que você pode conferir. Minha fonte favorita para leituras longa é The Guardian porque o os artigos também são gravados e publicados como podcasts, disponíveis tanto no iTunes quanto no SoundCloud. Eu adoro ouvir esses podcasts quando estou lavando a louça ou correndo na esteira.

Aqui estão quatro leituras longas que você pode marcar e passar por este fim de semana:

“Crash: how computers are setting us up for disaster”

“Geek Love”

“Liquid assets: how the business of bottle water went mad”

“The Very Quiet Foreign Girls poetry group”

3. Poemas

Poemas incorporam a fluidez de uma linguagem. Ler um poema em voz alta, ou melhor ainda, participar de uma apresentação de palavras faladas (que é quando você lê um poema para um público) coloca você em contato com o que soa certo e bonito em inglês.

Confira essas performances TED dos poetas Harry Baker e Sarah Kay:

“Sarah Kay: If I should have a daughter…”

“Harry Baker: A love poem for lonely prime numbers”

Se você gosta de ler poemas clássicos, estude os trabalhos de Edgar Allan Poe, TS Eliot ou Emily Dickson.

Poesia é uma bela maneira de contar histórias. No último artigo de leitura logna que compartilhei acima “The Very Quiet Foreign Girls poetry group”, uma professora de uma escola de Oxford organizou um clube de poesia para encorajar seus alunos estrangeiros a se expressarem e a suas experiências em poemas. É um ótimo exemplo de aquisição e integração de linguagem.

Benjamin Franklin compartilhou uma técnica para aprender a escrever em inglês em sua biografia: Ele convertia prosa em poesia, de modo que a restrição de medida e rima o forçaria a buscar variedade no idioma e, com isso, dominá-lo.

Da próxima vez que você ler um poema, preste atenção à escolha de uma determinada palavra e procure quantas alternativas puder. É um bom exercício para aumentar seu vocabulário, fazendo com que você aprenda a apreciar ainda mais a poesia e a língua inglesa.

4. Livros da sua cultura

Eu admito que parece estranho, mas deixe-me explicar.

Você lê um livro em sua própria língua, de sua própria cultura.

Então você encontra uma versão traduzida em inglês, lê e analisa cuidadosamente as duas versões.

Pense nas razões para escolher uma palavra específica em inglês para um conceito em sua cultura. Por exemplo, bride” em chinês significa literalmente “nova mãe”, como disse Lisa Bu em seu TED Talk. Isso te faz pensar, não é?

Alguns exemplos:

“Le Comte de Monte-Cristo” de Alexandre Dumas, père (Francês) e “The Count of Monte Cristo,” traduzido por Robin Buss (Inglês)

“Ngược dòng nước lũ” de Ma Văn Kháng (Vietnamita) e “Against the Flood,” traduzido por Wayne Karlin and Phan T. Hao (Inglês)

“Cien años de soledad” de Gabriel García Márquez (Espanhol) e “One Hundred Years of Solitude,” traduzido por Gregory Rabassa (Inglês)

5. Fóruns populares

Sabia que OpenAI, uma pesquisa sem fins lucrativos, financiada por líderes de tecnologia como Elon Musk e Sam Altman, está lendo tópicos do Reddit para aprender o idioma?

Fóruns como Reddit, Quora e Yahoo Answers trazem o inglês em suas formas mais naturais, já que tudo é escrito casualmente por falantes nativos. Mesmo que haja erros de ortografia e gramática, as conversas são em sua maioria esclarecedoras, naturais e cheias de palavras cotidianas. Visite esses sites, leia tópicos que lhe interessam e aprenda a conversar como um nativo.

6. Legendas

Assistir a filmes e vídeos é provavelmente a maneira mais divertida e interativa de aprender inglês. Não sei sobre você, mas passei muito da minha juventude assistindo “Friends” e aprendi muito inglês com a série.

Não sinta que está perdendo seu tempo. A prática de ler legendas em inglês enquanto assiste a um filme em inglês melhorará suas habilidades no idioma.

Ler e ouvir ao mesmo tempo pode ser um desafio, mas também é recompensador. Seu cérebro associa o som com a ortografia, sem mencionar o enredo emocionante ou humorístico do filme, e as palavras serão lembradas por mais tempo. Além disso, o som e o texto se complementam, trabalhando juntos para sua compreensão geral do inglês. Como o inglês não é uma linguagem fonética, as legendas lembram como soletrar uma determinada palavra, independentemente do som.

Você pode fazer coisas parecidas com TED Talks ou seus vídeos favoritos no FluentU.

Aprender a ler em inglês pode ser um processo lento, mas é gratificante porque você se diverte, amplia seu conhecimento cultural e melhora outras habilidades ao mesmo tempo.

Escolha os recursos de leitura que melhor atendem seus objetivos ou cumpra todos eles em 2018 para levar seu inglês ao nível de fluência.


Quynh Nguyen trabalha como profissional de comunicação freelance enquanto viaja pelo mundo. Ela adora aprender idiomas, andar de bicicleta e tomar muitas xícaras de chá. Conecte-se com ela em @QuynhThuNguyen ou visite-a em www.quynh.nl.

 

Se você gostou deste artigo, então algo me diz que você vai adorar FluentU, a melhor maneira de aprender inglês por meio de videos do mundo real.

Cadastre-se gratuitamente!

Comments are closed.